Ficha de projeto

Designação do projeto | PAR – PORTAL ARQUIVO RTP: A nossa memória coletiva à distância de um click

Código do projeto | POCI-02-0550-FEDER-012440

Objetivo principal | Facilitar o acesso público e universal ao património audiovisual da rádio e televisão portuguesa, a todos os cidadãos e instituições, contribuindo efetivamente para o reforço da coesão e identidade nacional

Região de intervenção | Portugal

Entidade beneficiária | RTP – RÁDIO E TELEVISÃO DE PORTUGAL, S.A.

Data de aprovação | 18/01/2016

Data de início | 25/11/2015

Data de conclusão | 24/11/2017

Custo total elegível | 2.412.188,69 Euros

Apoio financeiro da União Europeia | FEDER – 1.373.741,46 Euros

Objetivos, atividades e resultados esperados/atingidos |

Objetivos estratégicos

  • Facilitar o acesso público e universal ao património audiovisual da rádio e televisão portuguesa, a todos os cidadãos e instituições (independentemente da região do país onde se encontram), contribuindo efetivamente para o reforço da coesão e identidade nacional;
  • Melhorar a qualidade do serviço público prestado, através da otimização e desmaterialização dos processos de acesso ao arquivo da RTP, contribuindo significativamente para a redução dos custos de contexto, quer para os cidadãos e instituições, quer para a própria empresa;
  • Consolidar os processos de preservação e valorização dos acervos, assegurando quer a sua migração para novos formatos digitais, quer a conservação dos suportes originais, quando tal se revele necessário.

Objetivos operacionais

  • Disponibilizar o acesso, via Internet, ao maior repositório audiovisual nacional, onde está registado em imagens e sons grande parte da história de Portugal do século XX e início do século XXI. Para o efeito será implementado um Portal (PAR) que permitirá a qualquer cidadão ou entidade aceder, de forma fácil e eficaz, ao arquivo audiovisual da RTP;
  • Reforçar os mecanismos de conservação e preservação a longo prazo dos arquivos audiovisuais, incluindo a coleção fílmica do acervo de televisão.

Atividades

O novo Portal Arquivo RTP disporá de todas as funcionalidades e capacidades que assegurarão o acesso fácil e eficiente a conteúdos e serviços. Os conteúdos vão ser disponibilizados devidamente catalogados e contextualizados, sendo organizados em grandes coleções temáticas, contendo não só materiais audiovisuais provenientes dos fundos da rádio e televisão, mas também documentos e fotografias relevantes.

Qualquer utente poderá navegar, pesquisar e visualizar gratuitamente os conteúdos do acervo histórico da rádio e televisão pública. Estará também disponível uma área dedicada aos serviços de arquivo, incluindo o licenciamento de conteúdos para os vários tipos de utilização, desde o uso privado, para educação, cultura ou investigação, até ao licenciamento para fins de natureza comercial. Todo o processo de aquisição de serviços e licenciamentos será inteiramente desmaterializado, podendo os custos, quando aplicáveis, ser pagos on line através de cartão de crédito ou de débito.

O projeto está organizado em quatro atividades, que concorrem de forma estruturada para a sua implementação:

  • Desenvolvimento e teste do Portal Arquivo RTP – criação e operacionalização da infraestrutura técnica do Portal, requerendo competências relativas ao desenho do modelo de dados de meta-informação, funcionalidades e engenharia de processos e desenvolvimento do software da plataforma.
  • Preparação e publicação de conteúdos no Portal Arquivo RTP – envolve o processo de preparação e publicação de conteúdos incluindo, nomeadamente, a sua seleção de acordo com critérios previamente estabelecidos, tratamento e atualização de meta-dados e codificação dos conteúdos em formato adequado à disponibilização no Portal.
  • Conservação e digitalização de conteúdos – destina-se a garantir as condições técnicas para disponibilização através da Internet dos conteúdos de arquivo registados em videocassetes digitais, analógicas e película filme, procedendo à sua migração para ficheiros digitais. Concorre, igualmente, para a conservação a longo prazo da coleção fílmica do acervo de televisão, cujos originais serão depositados na Cinemateca Portuguesa.
  • Gestão da operação e disseminação de resultados – esta atividade é transversal e acolhe as tarefas de coordenação e gestão da operação e de promoção e disseminação dos seus produtos e resultados.

Resultados Esperados

Os principais resultados operacionais do projeto podem sintetizar-se do seguinte modo:

  1. Infraestrutura técnica do Portal Arquivo RTP (PAR), com todas as suas componentes de front-end e back-office;
  2. Preparação e publicação de 10.800 horas de conteúdos de arquivo no Portal;
  3. Migração para ficheiros digitais de: i) 30.000 horas de conteúdos registados em videocassetes digitais; ii) 17.300 horas de conteúdos registados em suportes analógicos obsoletos;
  4. Criação das condições técnicas para o depósito na Cinemateca Portuguesa (ANIM – Arquivo Nacional das Imagens em Movimento) da coleção fílmica da RTP, constituída por 310.000 documentos, que correspondem a cerca de 25.000 horas de conteúdos.

Em termos de contribuição para os indicadores de resultados do Programa Operacional, destacam-se:

a) Número de visitantes do Portal, por ano, na situação pós projeto (indivíduos com idade entre 16 e 74 anos): 775.897;

b) Empresas com 10 e mais pessoas ao serviço, que utilizarão o Portal na Internet, por ano, na situação pós projeto, para interagir com a RTP: 308.