A Escola e a Selva (Evocação de Ferreira de Castro)

00:25:00

Programa apresentado por José Hermano Saraiva dedicado ao cenário da Casa-Museu Ferreira de Castro em Ossela, concelho de Oliveira de Azeméis sobre a vida e a obra de Ferreira de Castro, autor de "A Selva", um dos mais traduzidos romancistas portugueses.

  • Nome do Programa: A Escola e a Selva (Evocação de Ferreira de Castro)
  • Nome da série: A Alma e a Gente I
  • Locais: Oliveira de Azeméis
  • Personalidades: José Maria Ferreira de Castro, José Hermano Saraiva
  • Temas: Artes e Cultura
  • Canal: RTP 2
  • Menções de responsabilidade: Autor: José Hermano Saraiva
  • Tipo de conteúdo: Programa
  • Cor: Cor
  • Som: Mono
  • Relação do aspeto: 4:3 PAL

Resumo Analítico

O programa inicia-se com José Hermano Saraiva junto à estátua de bronze de José Maria Ferreira de Castro, nascido em 1898, em Ossela, lugar onde a mesma se encontra. Viveu 76 anos e foi considerado o maior escritor português do seu século. 03m43s:Interior da Casa Museu Ferreira de Castro: Exposição de várias obras literárias da sua autoria. Exteriores da casa onde nasceu o escritor e da escola primária que frequentou. Ditado escolar e operações de aritmética dos seus tempos de estudante. Fotografia do cometa Halley e retrato do astrónomo que o identificou. Primeiro texto literário lido por Ferreira de Castro, aos 11 anos, perante uma plateia, sobre o cometa Halley. Mapa e gravuras sobre a exploração aurífera no Brasil. Exterior de mansão dos "mineiros", portugueses que fizeram fortuna com a exploração de ouro no Brasil. Quadro de madeira esculpida retratando o trabalho escravo. Mapa antigo do Brasil. Fotografia, a preto e branco, da cidade do Porto, com barcos a navegar no Rio Douro. 14m06s: Primeiro escrito literário que Ferreira de Castro fez no Brasil, no Seringal, intitulado "Criminoso por Ambição". Pinturas retratando a vida de trabalho no Brasil. Retrato, a preto e branco, de Ferreira de Castro na sua adolescência. O escritor mudou-se para Belém do Pará, onde viveu durante 5 anos. Capa do livro "O Moderno Pensamento Luzitano", de Ferreira de Castro e Mendes Corrêa, "O Vôo nas Trevas", "A Epopeia do Trabalho", "Carne Faminta", entre outros, livros da primeira fase literária do escritor. Vista panorâmica de Oliveira de Azeméis. 16m35s: Retrato a óleo de Ferreira de Castro. Relato da sua produção literária para revistas e jornais. Capa do romance "Emigrantes", de 1928, que alcançou grande sucesso. Estátua de bronze que representa o Emigrante e que serve de homenagem ao escritor. 18m52s: Capa da 1ª edição do romance "A Selva", de 1930, que celebrizou Ferreira de Castro e que obteve traduções em várias línguas. Retrato a preto e branco de Diana de Liz, nome literário da escritora que viveu com Ferreira de Castro. Capa dos livros "A Eternidade", "A Lã e a Neve", "A Volta ao Mundo", "Pequenos Mundos, Velhas Civilizações", e "As Maravilhas Artísticas do Mundo". Mala de viagem do escritor. Mostra dos livros expostos e de quadros. Interior do quarto de dormir do escritor.

Termos e condições de utilização

Os conteúdos disponíveis estão protegidos por direitos de propriedade industrial e direitos de autor. É expressamente proibida a sua exploração, reprodução, distribuição, transformação, exibição pública, comunicação pública e quaisquer outras formas de exploração sem a autorização prévia da RTP. O acesso aos conteúdos tem como único propósito o visionamento privado e educacional sem fins comerciais. Para mais informações, entre em contato com o arquivo da RTP através do seguinte endereço de correio eletrónico: arquivo@rtp.pt .